domingo, 9 de maio de 2010

Dia das mães nada comum

Hoje eu queria escrever uma coisa diferente aqui, porque é dia das mães, mas durante toda a semana e hoje esse é o assunto principal, e não existe nada de diferente nisso. As pessoas parecem só lembrar das suas próprias mães, e só no segundo domingo de maio... sempre. Acho que hoje é dia das mães em todos os sentidos. Feliz dia da mães pra aquelas "tiazonas" da escola que servem merenda, pra avô mega master, pra tias, para as amigas e irmãs que cuidam uma das outras como se fossem mãe de verdade, para os Papais-mães que se viram nos 30 pra fazer os dois papéis e cuidar dos babys, para as mães adotivas e/ou não de sangue, para atendente, pra que trabalha na ´feria.... e por aí vai. E perguntar o motivo das pessoas se lembrarem de sua mães nesse dia, e esquecer totalmente a mães das pessoas ofenderam com "filho da p...". Porque sempre sobra pra mãe, niguém chama ninguém de filho de um biscate (além de mim, eu não conehço ninguém), ninguém pede pai faz pra mim?!... e por aí vai.
Então eu tinha aqui uma mãe coruja que não é da mesma espécies que seu pupilos, a história ja é meio passada, mas eu adoro. Pra quem não sabe os filhotes dessa tigrona lindona morreram ao nascer, e o povo do zoologico substitui eles, isso evitou que ela ficasse doente e tal....

tia katia quer ser mãe de um tigre, mesmo ja sendo mãe de duas cachorras, uma gata, e três calopsitas....
e tia katia deletou uma imagem linda do post que não consegue colcar novamente,porque tia katia tem um filho-blog muito maldoso.

Um comentário:

* Mari Sottomaior disse...

Fotos muito lindinhas! =)
Com certeza não só as mães "de sangue" deve ser lembradas mas as de consideração tbm =)